Metas!

Em 28 dez 2017


Fim de ano é assim: todo mundo tem meta pra cumprir! Ah, para! Agora vai fingir que não tem?! Emagrecer, viajar, guardar dinheiro, abrir um negócio, estas são as típicas! Ano novo = expectativas! Quer saber a minha meta pra 2018? Criar unicórnios, sim, mas não criar expectativas!

É sério, gente! Melhor viver a vida sem criar grandes expetativas, que é pra queda não ser tão grande! E você acha que eu faço isso? Ah, claro… que não! Confesso que ainda não alcancei esta elevação espiritual! Porque é o seguinte: a gente até alcança a meta, mas não pense que o caminho é uma linha reta, porque você vai fazer muitas curvas!

Mas a verdade é que adoro esta coisa de metas: pequeno, médio e longo prazo! Depois que aprendi que isto era “bonito”, que isto era “racional”, que isto era “cool”, danou-se: papeis e mais papeis com vários prazos, planejamentos, etc.

E quando a gente tem que aumentar o prazo, porque a meta não coube naquele ano? E quando não coube naqueles 2 anos? É a treva! A gente se sente o pior dos seres humanos! As expectativas vão naufragando iguais ao filme do Titanic. Por isso, repito: crie unicórnios, mas não crie expectativas! Mas fica tranquila, porque as curvas existem, sim, mas o objetivo está lá te esperando: é só não desistir! Não desiste, porra!

Mas quem nunca? Quem nunca fez aquela listinha básica do que quer fazer no ano seguinte? Quem nunca fez aquela mandinga no Réveillon com o pensamento fixo na meta do próximo ano? Quem nunca pulou as 7 ondinhas ou comeu as 7 uvas e guardou as sementes na carteira? Confesso que hoje tenho preguiça (pronto, falei!), mas já fiquei com muito caroço atolado na carteira o ano inteiro sem nem me lembrar do que eu tinha pedido diante dos fogos de Copacabana!

Mas quer saber? A gente tem mais é que ser feliz mesmo! Escreva a sua meta e a coloque embaixo do santo, amiga! Energize as suas pedras e depois guarde bem guardado pra ninguém meter a mão! Faça seu mapa astral e torça pra taróloga só te contar a parte boa (e te cobrar barato)! Isso ajuda a organizar os pensamentos e não desistir! Já te disse pra não desistir, né? Desta vez não vou falar palavrão.

Ok, tudo muito lindo, mas nunca se esqueça: nada cai do céu! Trabalho é a palavra! Lembre-se que o único lugar que o sucesso vem antes do trabalho é no dicionário!

E as metas do Deu a Louka? Quer saber? A meta é que em 2018 todos nós continuemos muito juntos interagindo através destas loucuras!

Vá em frente! Deixa ser louca! Feliz 2018!

Imagem: FreePik

Deixe seu comentário