O Retorno de Jedi! Ou melhor: de Sandy e Júnior!

Em 25 mar 2019


Pessoas enlouquecidas virando a noite em frente à bilheteria! Cidadãos fazendo empréstimos consignados para comprar ingressos! Seres humanos se estapeando na esperança de serem os primeiros da fila! É um barco? É um avião? É o ET de Varginha que voltou pra nos visitar? Não! É a Sandy e o Jr, minha gente! Eles voltaram! Ah… tá.

Em primeiro lugar, antes que me joguem todas as pragas do Egito, não tenho nada contra, tá? Até acho digno um alvoroço deste tamanho por artistas brasileiros. Afinal, acho que a última vez que vi gente dormindo na porta da Apoteose pra garantir lugar na frente do palco foi no show do Justin Bieber, ou seja, artista gringo. Portanto, achei legal a comoção em torno da volta da Sandy e do Jr. e penso que quem gosta tem que ir lá e ver o show mesmo. Tá certo! Movimenta a economia! Viva a cultura nacional!

Não posso dizer que a dupla não era da minha época. Acho que eu devia ter uns 16 anos quando eles estavam estourados e não se podia ligar a TV ou rádio sem dar de cara com a Sandy. Anos 90, TV aberta, não tinha Netflix… De fato, não posso dizer que eu era fã. Não tinha nada contra (e ainda não tenho, tá?), mas não era e nunca fui fã. Mas uma coisa não posso negar: a Sandy continua com a mesma beleza e voz daquela época. Ah, isso continua! Alguém sabe o telefone da dermatologista dela?

Calma, fã desesperado, não me xingue! Eu explico: é que naquela época (e até hoje) eu gostava mesmo era de Heavy Metal, sabe? Isso: Rock pesado. Fazer o que? É gosto pessoal, meu povo. Fazendo um paralelo à minha época, a gente se estapeou (inclusive eu) pra ver a volta do Bruce Dickinson aos vocais do Iron Maiden. É que teve um momento da vida em que ele saiu da banda pra fazer carreira solo, mas todos os roqueiros do universo sonhavam com o retorno dele. Sim, do universo. Daí, quando ele realmente voltou, coisa que ninguém pensava que ia acontecer de novo, o Iron fez uma turnê pelo mundo onde, de fato, todos os fãs deram um rim para ir, inclusive eu!

Não, eu não dei um rim, eu só fui ao show. O rim foi só pra dar uma dramaticidade ao texto. Sou atriz, gente!

Por isso é que, num outro contexto, eu entendo essa coisa de fã ficar louco quando o seu ídolo, ou a banda preferida, ou a dupla preferida, volta para dar uma pinta na cena musical, porque a gente fica esperando mesmo. Ainda mais quando é uma coisa de infância ou adolescência, que traz todo aquele toque de nostalgia da frase “ai como era bom naquele tempo…”

Também passei por isso quando, já com quase 30 anos, fui ver o show do Ozzy Osbourne pela primeira vez (p*rra, hoje só tem velharia!). Ele já tinha vindo ao Brasil várias vezes, mas nunca tinha dado pra eu ir. Quando ele veio de novo, 13 anos depois, foi a glória! No dia seguinte estava rouca. Louca, não: rouca.

Por isso é que te entendo! Sim, você que quer assistir o show da Sandy e do Jr e está roendo todas as unhas para isso, amiga! O problema foi só encarar a realidade, né? Não tinha me dado conta de que eles já estavam há tanto tempo separados e que cada um já tinha filhos, etc. Afinal, quando eles começaram, eles eram crianças cantando “Abre a porta Mariquinha”!

Isso só serve pra pensar que o tempo também tem passado pra gente… Aff! Pra quê eu fui tocar neste assunto de velharia? Nostalgia way of life! Da próxima vez só falo da Jenifer!

Tá se achando meio velha depois deste texto? Fica não, amiga! Aproveita para assistir o vídeo do Canal Deu a Louka: A Velha Mania de Se Achar Velha! E depois me conta o que achou! Assiste que passa, viu? Eu juro!

Bjs!

By Andrea Nascimento

Siga Andrea Nascimento no Instagram: @andreanascimentoficial

Acesse e se inscreva no Canal Deu a Louka no YouTube! Clique aqui!

Quer falar comigo? Manda um e-mail pra mim: contato@andreanascimento.com

 

Deixe seu comentário